quarta-feira, 21 de novembro de 2012

The Burning Boy (2001)

.
The Burning Boy de Kieran Galvin é uma curta-metragem australiana sobre a auto-aceitação de um jovem que esconde a sua sexualidade do seu melhor amigo e que, um dia, lhe provoca uma grande surpresa.
Com um argumento, também ele da autoria de Galvin, que não suporta nenhum elemento novo remetendo-nos mais uma vez para o habitual cliché de "amigo apaixonado por amigo", a única surpresa surge pelo trágico desfecho que estas duas personagens enfrentam sendo que, ainda assim, não é suficiente para lhe dar a devida qualidade argumentativa para a tornar interessante.
Outro elemento que torna esta curta ainda mais difícil de "digerir" acaba por residir na quase incomodativa banda-sonora que acompanha a acção do início até ao final tornando em diversos momentos quase difícil de acompanhar qualquer tipo de intensidade dramática pela qual as personagens estão a atravessar.
Um filme que se pode ver mas que não causa qualquer boa impressão nem memória a seu respeito.
.
1 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário