quinta-feira, 6 de março de 2014

Llaves (2014)

.
Llaves de David Mora é uma curta-metragem espanhola de ficção cujo argumento, também da autoria do seu realizador, nos remete para as amarguras de uma mulher (Marta Larralde) que descobre num mero acaso a traição do seu marido.
Llaves (Chaves) é assim uma história sobre os pequenos acasos da vida que revelam os espaços em que vivemos, e como os vivemos, e a forma como podem determinar ou até mesmo condicionar as escolhas e as opções que tomamos no nosso percurso e que nos mostram qual a nossa essência, aquilo pelo qual estamos dispostos a lutar e principalmente as cedências que se fazem em nome de algo que se pensa ter como é o caso do amor.
David Mora mostra uma vez mais com esta sua nova curta-metragem, após a já aqui comentada Pajas, as condicionantes das relações afectivas que por diversos factores impedem de viver na sua plenitude, quer seja a forma de amar o próximo (ou a si próprio) quer seja a forma como o medo da perda determina que nunca se vive essa afectividade na sua plenitude, constituindo-se assim como uma interessante reflexão sobre a condição sentimental em que cada um se encontra e revê.
.
7 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário