sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Prémio Time Out - Corvo de Ouro 2017: o vencedor

.
A Revista Time Out Lisboa divulgou no passado dia 24 de Janeiro numa cerimónia realizada na Caixa Económica Operária, em Lisboa, os vencedores dos seus prémios anuais, os Corvos de Ouro.
Estes troféus que premeiam um conjunto de actividades ou obra sócio-culturais entre os quais a melhor obra cinematográfica do último ano haviam nomeado, na respectiva categoria os filmes Cartas da Guerra, de Ivo M. Ferreira, O Ornitólogo, de João Pedro Rodrigues e ainda A Toca do Lobo, de Catarina Mourão.
.
.
A Toca do Lobo, vencedor relativo ao último ano retrata, através de factos e memórias colectivas da família da realizadora, momentos da ditadura e da resistência tendo por base a necessidade de criar arte. O filme estreado em Novembro último e premiado no IndieLisboa em 2015 recebe assim esta distinção como o Melhor Filme do Ano e sucede a As Mil e Uma Noites - Volume III: O Encantado, de Miguel Gomes também premiado com este troféu.
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário