quinta-feira, 16 de agosto de 2012

A Última Aposta (2008)

A Última Aposta de Lourenço de Mello é um dos telefilmes do segmento Casos da Vida produzidos pela TVI e que nos conta a história de Vasco (Rogério Samora), um homem com uma vida profissional e pessoal de sucesso, na companhia da sua filha Isabel (Júlia Belard) e da namorada Laura (Sylvie Rocha), mas que esconde uma terrível dependência do jogo.
Este homem que é aparentemente um boémio e bom coração muda repentinamente de comportamento quando descobre que Isabel namora com António (Sabri Lucas), manifestando o seu racismo até então desconhecido para todos.
No entanto, o rumo da vida surpreende todos quando é diagnosticado um cancro a Vasco que o faz mudar radicalmente os comportamentos pelos quais tem regido a sua vida. Uma vez recuperado, o mundo fará realmente sentido... ou talvez não.
Se pensarmos que A Última Aposta, à semelhança de outros títulos desta saga Casos da Vida, é um telefilme, dá que pensar na quantidade de sub-temas que regem o seu argumento. Em vez de seguirmos uma linha condutora de uma história temos diversos momentos pelos quais podemos seguir e, consequentemente, perdermo-nos. A certa altura damos por nós a pensar o que terá acontecido nos primeiros cinco minutos do filme pois... já não nos lembramos tal é o emaranhado de elementos que entretanto fazem parte desta história.
O potencial do argumento, mais limitado a um único fio condutor, e claro do conjunto de actores que dele faz parte, é mais do que seguro. Sabemos bem pela continuidade dos anos em que acompanhamos a carreira destes actores, que eles são capazes do melhor. No entanto, aquilo que vemos aqui é que até eles, por muito potencial que tenham, se perdem no meio de uma teia tão grande de historietas que preenchem este (e outros) filme(s).
.
3 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário