segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Contágio (2011)

.
Contágio de Rafael Nani é uma curta-metragem de suspense que se tivesse sido mais explorado teria sido bem forte no género.
Esta curta-metragem decorre na íntegra no interior de uma casa onde percebemos, até devido ao próprio título, ter existido uma propagação e contágio de algum vírus. Os traços de sangue e de destruíção estão por toda a parte e quase se poderia dizer quea epidemia conseguiu levar a melhor face à Humanidade.
O cenário perfeitamente adequado e a caracterização do infectado que vemos estão perfeitos e as filmagens que se centram apenas num único ponto durante toda a sua duração fazem aumentar uma enorme sensação de claustrofobia que nos acompanha do primeiro ao último segundo.
O único ponto negativo (se assim poderá chamar) de todo o filme é a sua escassa duração e a falta de momentos de maior intensidade que contribuiriam para o suspense que o género pretende ter. Ainda assim está um trabalho muito bem conseguido e do qual queremos ver mais.
.
6 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário