sábado, 16 de junho de 2012

Rapaz ou Rapariga? (2012)

Rapaz ou Rapariga? de André Santos foi uma das duas curtas-metragens em competição na terceira edição do Shortcutz Faro e, confesso, uma muito agradável surpresa no seu todo.
Esta história está dividida em dois muito característicos momentos. No primeiro temos uma abordagem através de uma animação Playmobil sobre aquilo que se espera na vida de um indivíduo... O crescer, o passar dos anos, o conhecer alguém especial e ter filhos... netos. Um conto animado sobre a evolução da vida e o passar dos anos.
O segundo momento já contado com actores representa um homem na sala de espera de um hospital quase vazio onde pensamos aguardar o nascimento do seu primeiro filho.
Sem revelar mais nada desta curta-metragem a partir deste momento, pois estragaria toda a surpresa, a originalidade desta história prende-se a partir daqui quando descobrimos o que realmente se está a passar na cabeça daquele homem que o leva a um verdadeiro estado de ansiedade, e que a nós próprios enquanto espectadores nos provoca aquela sensação de ter levado um enorme murro no estômago, depois de termos assistido a uma grande e verdadeira recriação sobre o nascimento, o crescimento e a constituíção de família tão inerentes a qualquer um de nós.
Dotada de uma enorme sensibilidade ao ritmo de uma igualmente sentida banda-sonora, esta curta-metragem não só consegue ser original como uma verdadeira e agradável surpresa que, estou convencido, conseguirá agradar a todos.
.
"Voz-off: Por quanto tempo permanecemos nós filhos dos nossos pais?"
.
8 / 10
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário