sexta-feira, 5 de abril de 2013

L (2011)

.
L de Thais Fujinaga é uma curta-metragem brasileira em competição na secção de curta na quarta edição do FESTin a decorrer até ao próximo dia 10 de Abril no Cinema São Jorge em Lisboa.
Teté (Sofia Ferreira) é uma rapariga de 11 anos que tenta esconder os pés que tanto odeia. Um dia na piscina conhece Héctor (Luis Mai King), um simpático rapaz de origem chinesa que tenta forçosamente travar amizade com ela, Teté decide que chegou a altura de mudar a sua imagem de uma forma que tem tanto de radical como de drástica, causando um verdadeiro choque ao seu pai (Henrique Schafer).
Thais Fujinaga assina também o argumento que dá vida a esta história de crescimento, descoberta e principalmente de amizade entre dois jovens à beira da adolescência que poderia ocorrer em qualquer parte do globo graças à sua evidente universalidade, que ganha também ela vida graças às duas interpretações dos jovens actores que se completam num misto de irreverência pela parte de Sofia Ferreira, e de um lado mais descontraído apresentado pelo jovem e simpático Luís Mai King, que se assume facilmente como uma importante e segura descoberta no cinema brasileiro e do qual, pessoalmente, espero poder vir futuramente a assistir a mais desempenhos.
Esta trabalho é ainda complementado com uma fotografia de André Luiz de Luiz que faz incidir todos os focos de luz nos dois jovens actores fazendo-nos voluntariamente abstrair de tudo o demais que ocorre à nossa volta e, há excepção de um desfecho um pouco irracional e violento de "Teté", este trabalho de Fujinaga consegue manter uma frescura e novidade bem saudáveis que nos fazem sair da sala de cinema bem dispostos sendo por isso uma das claras e seguras apostas do FESTin na competição de curtas-metragens.
.
.
7 / 10
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário