quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Casa do Medo (2011)

.
Casa do Medo de João Ricardo Pinto é uma curta-metragem de terror com algumas claras referências a muito do cinema de terror a que já tanto estamos habituados.
Um grupo de amigos decide ir para uma casa onde há algum tempo atrás havia ocorrido um assassinato e suicídio decorrente de um qualquer ritual. Aquilo para o qual o grupo de amigos não estavam preparados é que o mal não desapareceu daquela casa e está pronto para recolher umas quantas mais vidas.
As referências tanto a filmes como a elementos básicos do terror e do suspense estão por todo o lado. Em primeiro lugar a própria decisão ao estilo de "volta da fogueira", em que contam a história sobre o que se terá passado... a chegada à casa, onde todos parecem estar receosos de entrar também ela muito típica, precede o baptismo de sangue de um dos amigos antes mesmo de entrar na casa.
Finalmente temos ainda a filmagem ao estilo [REC] com o óbvio arrastar de alguém e deixar cair a câmara (muito flagrante neste caso), e isto já para não falar que há uma qualquer tendência no cinema de terror em ter sempre um espírito dentro do WC.
Muitas referências, é um facto, mas ainda assim esta curta consegue cumprir aquilo a que se propõe e provocar uns quantos sustos numa acção que decorre num espaço claustrofóbico, muito provocado pela filmagem de câmara na mão.
Algo que seria de evitar são os excessivos momentos em que essa mesma câmara filma ou o chão ou a t-shirt de alguém, pois aí sim começamos a perceber que não está decorrente da narrativa mas sim da clara necessidade em expôr a filmagem como sendo "natural".
A iniciativa de fazer cinema de terror, a história em si (apesar de já vista), e os sustos globalmente bem conseguidos estão de parabéns no entanto, quase "fatal" é a ausência de créditos... amador ou profissional todo o trabalho deve tê-los.
.
6 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário