sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Die Welle (2008)

A Onda de Dennis Gansel é um fantástico filme alemão nomeado para o European Film Award de Melhor Actor sobre a possibilidade de ressurgimento de um regime fascista/nazi na Alemanha.
Não sendo só sobre isto o filme, ele é também um relato sobre como nas condições ditas "certas" onde a disciplina e o rigor se convertem en fanatismo e também é um filme que nos mostra como numa sociedade onde a inexistência de regras, valores ou uma conduta moral se pode transformar num regime intolerante e anti-democrático.
Tudo começa com uma experiência numa sala de aulas onde o professor, aqui brilhantemente interpretado por Jürgen Vogel, que como disse lhe valeu a nomeação para o EFA, que a seu tempo e através das mentes por explorar dos seus alunos se torna numa verdadeira onda de anarquia e de terror onde tudo, e especialmente todos, têm de seguir uma certa conduta imposta para todos respeitarem e seguirem sem desvios. Roupa igual, um símbolo, uma saudação. Assim começou a ditadura. Como uma onda ele cresce e se expande.
Destaco de imediato também o papel de Frederick Lau, o aluno que inicialmente é um inadaptado mas que rapidamente vê no novo movimento uma forma perfeita de se inserir. É um papel vibrante e o exemplo perfeito daqueles de onde estes movimentos retiram o seu núcleo.
Com um argumento extremamente bem estruturado e uma realização e interpretações credíveis e convincentes A Onda é um dos melhores filmes Europeus do ano e sem dúvida um daqueles que, mais que não fosse pelo seu teor, não se devem perder.



10 / 10

CinEuphoria Prémios'09 VOTAR AQUI

Sem comentários:

Publicar um comentário