quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Slumdog Millionaire (2008)

Quem Quer Ser Bilionário? de Danny Boyle foi o grande vencedor este ano de tudo e algo mais que havia de prémios incluindo oito Oscars.
Este último filme do realizador de entre outros Trainspotting, 28 Dias Depois, A Praia e Milhões é um filme sobretudo sobre a esperança, a perseverança e a vontade de vencer. É um filme sobre aquele que apesar de todas as adversidades e contratempos consegue destacar-se dos demais mesmo que ninguém acredite.
Com a acção centrada numa emissão do concurso Quem Quer Ser Milionário? este filme avança pergunta após pergunta em que um improvável concorrente (mais imporvável vencedor ainda) responde acertadamente a cada um delas pondo à prova os seus conhecimentos e sabedoraia através dos factos da sua jovem vida que o levaram àquele exacto momento.
O argumento de Simno Beaufoy, vencedor do Oscar na categoria, é assim muito bem consguido e a forma como o filme foi dirigido torna a história muito bem contada e credível.
Aqui tomamos conhecimento com várias facetas da Índia. O país do turismo em contraste com a miséria das favelas das grandes cidades. O crime bem como o trabalho. Mas acima de tudo como pode surgir uma amizade e um amor entre todas estas imagens de um mesmo país.
As interpretações do filme são coerentes e bem executadas, especialmente a do actor principal Dev Patel que está nomeado para o European Film Award de Melhor Actor, se bem que existe uma certa falta de química entre ele a Freida Pinto que torna o seu papel um tanto frio confiando apenas noseu bom ar.
A destacar pela positiva está uma fantástica banda-sonora e algumas canções especialmente Jay Ho, vencedora do Oscar de Melhor Canção. É esta mesma banda-sonora que confere uma credibilidade muito significativa ao filme e às diversas sequências mais tensas e dramáticas.
No entanto, e apesar de tanto comentário positivo ao filme, não deixo de salientar que ele também foi muito sobrevalorizado. É um facto que é um filme bom com uma boa história e com desempenhos agradáveis, no entanto longe está de ser o melhor filme do ano como foi destinguido em tantas cerimónias. Mereceu alguns decerto, mas quando em competição com outros tais como Benjamin Button, Changeling, Revolutionary Road ou Frost/Nixon, não me parece que o filme atija uma grandeza superior. É genericamente um feel-good movie mas não atinge o grau de complixidade ou dramatismo superior aos que referi anteriormente ao ponto de, por exemplo, ganhar oito Oscars na cerimónia de 2009. É bom mas não é extraordinário, no entanto é um filme que vale com toda a certeza ser visto.



"Jamal Malik: When somebody asks me a question, I tell them the answer."

8 / 10

CinEuphoria Prémios'09 VOTAR AQUI

Sem comentários:

Publicar um comentário