domingo, 15 de maio de 2011

IndieLisboa 2011: palmarés

.
Grande Prémio de Longa Metragem «Cidade de Lisboa»: The Ballad of Genesis and Lady Jaye, de Marir Losier
Grande Prémio de Longa Metragem «Cidade de Lisboa» - Menção Honrosa: La BM du Seigneur, de Jean-Charles Hue
Melhor Longa-Metragem Portuguesa: Linha Vermelha, de José Filipe Costa
Prémio de Distribuição: Morgen, de Marian Crisan
Grande Prémio para Curta-Metragem: The Story of Elfranko Wessels, de Erik Moskowtiz e Armanda Trager
Grande Prémio para Curta-Metragem - Menção Honrosa: Diane Wellington, de Arnaud des Pallières
Grande Prémio para Curta-Metragem - Menção Honrosa: La Fôret, de Lionel Rupp
Grande Prémio para Curta-Metragem - Menção Honrosa: The Painting Sellers, de Juho Kuosmanen
Prémio para Melhor Curta-Metragem Portuguesa: Alvorada Vermelha, de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata
Prémio para Melhor Realizador Português de Curta-Metragem (ex aequo): Gabriel Abrantes, por Liberdade e Marco Martins e Filipa César, por Insert
Prémio Novo Talento: Patrick Mendes, por Homenagem a Quem Não Tem Onde Cair Morto
Prémio Pulsar do Mundo: I Will Forget Ths Day, de Alina Rudnitskaya
Prémio Pulsar do Mundo - Menção Honrosa: Pallazzo Delle Aquile, de Stefano Savona, Alessia Porto e Ester Sparatore
Prémio para Melhor Longa Metragem Portuguesa de Ficção: O Que Há de Novo no Amor?, de Hugo Martins, Hugo Alves, Mónica Santana Baptista, Patrícia Raposo, Rui Santos e Tiago Nunes
Prémio para Melhor Documentário de Longa Metragem Português: Eden, de Daniel Blaufuks
Prémio RTP2 Onda Curta: Diane Wellington, de Arnaud des Pallières e How To Pick Berries, de Elina Talvensaari e I Don't Blame The Beautiful Game, de Christopher Arcella e Nuit Blanche, de Samuel Tilman
Prémio Signis - Árvore da Vida: La Ilusión Te Queda, de Márcio Laranjeira e Francisco Lezama
Prémio Signis - Árvore da Vida - Menção Honrosa: Swans, de Hugo Vieira da Silva
Prémio Signis - Árvore da Vida - Menção Honrosa: Os Milionários, de Mário Gajo de Carvalho
Prémio de Melhor Imagem para Longa Metragem Portuguesa: Carlos Lopes "Cácá", por América
Prémio de Melhor Imagem para Longa Metragem Portuguesa - Menção Honrosa: Luís Branquinho, por O Barão
Prémio de Melhor Imagem para Curta-Metragem Portuguesa: Takashi Sugimoto, por Wakasa
Prémio Amnistia Internacional: Cleveland Contre Wall Street, de Jean-Stéphane Bron
Prémio Amnistia Internacional - Menção Honrosa: I Will Forget This Day, de Alina Rudnitskaya
Prémio do Público - Melhor Longa Metragem: Cleveland Contre Wall Street, de Jean-Stéphane Bron
Prémio do Público - Melhor Curta-Metragem: Paris Shangai, de Thomas Cailley
Prémio Melhor Filme Indiejúnior: My Good Enemy, de Oliver Ussing
Prémio Melhor Filme Indiejúnior - Menção Honrosa: Les Mains En L'air, de Romain Goupil
Prémio Melhor Filme Indiejúnior - Menção Honrosa: Cul de Bouteille, de Jean-Claude Rozec
Prémio do Público Indiejúnior: Things You'd Better Not Mix Up, de Joost Lieuwma
.

Sem comentários:

Publicar um comentário