terça-feira, 21 de agosto de 2018

European Film Awards - pré-selecção 2018

.
A Academia Europeia de Cinema divulgou hoje as 49 longas-metragens de produção europeia pré-seleccionadas à trigésima-primeira edição dos European Film Awards. Entre os pré-seleccionados encontram-se obras oriundas de trinta e cinco países revelando assim a "grande diversidade do cinema europeu".
As longas-metragens foram seleccionadas inicialmente a partir dos vinte países com maior presentação na Academia Europeia de Cinema - uma longa-metragem por país -, sendo os restantes vinte e nove escolhidos a partir de um Comité de Selecção composto pela direcção da Academia e por especialistas convidados sendo eles Giorgio Gosetti (Itália), Elise Jalladeau (Grécia), Christophe Leparc (França), Jacob Neiiendam (Dinamarca), Edvinas Puksta (Lituânia) e Alik  Shpilyuk (Ucrânia).
São as longa-metragens seleccionadas:
  • 3 Tage in Quiberon, de Emily Atef (Alemanha/Áustria/França)
  • Ága, de Milko Lazarov (Bulgária/Alemanha/França)
  • Ahlat Agaci, de Nuri Bilge Ceylan (Turquia/Alemanha/França/Bulgária/Macedónia/Bósnia Herzegovina/Suécia/Qatar)
  • Aritmiya, de Boris Khlebnikov (Rússia/Finlândia/Alemanha)
  • Ayka, de Sergey Dvortsevoy (Rússia/Alemanha/Polónia/Cazaquistão)
  • Beast, de Michael Pearce (Reino Unido)
  • Borg, de Janus Metz (Suécia/Dinamarca/Finlândia)
  • Carmen y Lola, de Arantxa Echevarría (Espanha)
  • Cobain, de Nanouk Leopold (Holanda/Alemanha/Bélgica)
  • Dene Wos Guet Geit, de Cyril Schäublin (Suíça)
  • Diamantino, de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt (Portugal/França/Brasil)
  • Dogman, de Matteo Garrone (Itália/França)
  • Donbass, de Sergei Loznitsa (Ucrânia/Alemanha/França/Roménia/Holanda)
  • Dovlatov, de Alexey German Jr. (Rússia/Polónia/Sérvia)
  • Egy Nap, de Zsofia Szilagyi (Hungria)
  • Foxtrot, de Samuel Maoz (Israel/Alemanha/França)
  • Fuga, de Agnieszka Smoczynska (Polónia/República Checa/Suécia)
  • Gaagua, de Savi Gabizon (Israel)
  • Girl, de Lukas Dhont (Bélgica/Holanda)
  • Gräns, de Ali Abbasi (Suécia/Dinamarca)
  • Handia, de Aitor Arregi e Jon Garaño (Espanha)
  • Der Hauptmann, de Robert Schwentke (Alemanha/Polónia/Portugal/França)
  • The House That Jack Built, de Lars Von Trier (Dinamarca/Suécia/França/Alemanha)
  • Hva Vil Folk Si, de Iram Haq (Noruega/Alemanha/Suécia)
  • Jusqu'à la Garde, de Xavier Legrand (França)
  • Kona Fer í Stríd, de Benedikt Erlingsson (Islândia/França/Ucrânia)
  • Lazzaro Felice, de Alice Rohrwacher (Itália/França/Alemanha/Suíça)
  • Leto, de Kirill Serebrennikov (Rússia/França)
  • Licht, de Barbara Albert (Áustria/Alemanha)
  • Michael Inside, de Frank Berry (Irlanda)
  • Milada, de David Mrnka (República Checa)
  • Muskarci ne Placu, de Alen Drljevic (Bósnia Herzegovina/Alemanha/Eslovénia/Croácia)
  • Nar Bagi, de Ilgar Najaf (Azerbaijão)
  • Oiktos, de Babis Makridis (Grécia/Polónia)
  • Ondes de Choc: Journal de Ma Tête, de Ursula Meier (Suíça)
  • Paddington 2, de Paul King (Reino Unido)
  • Pororoca, de Constantin Popescu (Roménia/França)
  • Petra, de Jaime Rosales (Espanha/França/Dinamarca)
  • Sashishi Deda, de Ana Urushadze (Geórgia/Estónia)
  • Den Skyldige, de Gustav Möller (Dinamarca)
  • Styx, de Wolfgang Fischer (Alemanha/Áustria)
  • Touch Me Not, de Adina Pintilie (Roménia/Alemanha/República Checa/Bulgária/França)
  • Transit, de Christian Petzold (Alemanha/França)
  • Twarz, de Malgorzata Szumowska (Polónia)
  • Undir Trénu, de Hafsteinn Gunnar Sigurosson (Islândia/Dinamarca/Polónia/Alemanha)
  • Utoya 22. Juli, de Erik Poppe (Noruega)
  • La Villa, de Robert Guédiguian (França)
  • Voyna Anny, de Aleksey Fedorchenko (Rússia)
  • Zimna Wojna, de Pawel Pawlikowski (Polónia/Reino Unido/França)
Os mais de 350o membros da Academia Europeia de Cinema irão agora decidir os nomeados nas principais categorias - Filme, Realizador, Actor, Actriz e Argumento - que serão anunciados no próximo dia 10 de Novembro no decorrer do Festival de Cinema Europeu de Sevilha e um júri de oito membros irá decidir os vencedores directos nas categorias de Fotografia, Montagem, Design de Produção, Guarda-Roupa, Maquilhagem e Cabelos, Música, Som e pela primeira vez em Efeitos Especiais Visuais.
A trigésima-primeira edição dos European Film Awards irá decorrer em Sevilha no próximo dia 15 de Dezembro.
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário