terça-feira, 10 de dezembro de 2013

The New Yorker - Top do Ano

.
A revista The New Yorker, referência na cidade norte-americana, anunciou hoje aqueles que considera os melhores, aqueles que poderiam facilmente figurar nos Top do Ano, os mais antecipados e os piores filmes do ano.
No primeiro segmento, o Top do Ano temos os seguintes filmes:
.
1. The Wolf of Wall Street, de Martin Scorsese e To the Wonder, de Terrence Mallick
3. Like Someone in Love, de Abbas Kiarostami
4. Computer Chess, de Andrew Bujalski e Upstream Color, de Shane Carruth
6. La Noche de Enfrente, de Raoul Ruíz
7. Tian Zhu Ding, de Jia Zhangke
8. La Vie d'Adèle: Chapitres 1 et 2, de Abdellatif Kechiche
9. An Oversimplification of Her Beauty, de Terence Nance
10. Inside Llewyn Davis, de Ethan Coen e Joel Coen, Sun Don't Shine, de Amy Seimetz e Ain't Them Bodies Saints, de David Lowery
.
O segundo segmento prende-se com aqueles filmes que facilmente poderiam figurar entre os mais significativos do ano caso existisse um "segundo" top do ano. Entre esses filmes destacamos a presença de um filme português ainda por estrear comercialmente no nosso país. São eles:
.
12 Years a Slave, de Steve McQueen
All the Light in the Sky, de Joe Swanberg
At Berkeley, de Frederick Wiseman
The Bling Ring, de Sofia Coppola
Blue Jasmine, de Woody Allen
The Canyons, de Paul Schrader
Centro Histórico, de Pedro Costa, Manoel de Oliveira, Victor Erice e Aki Kaurismäki
Les Coquillettes, de Sophie Letourneur
Drinkng Buddies, de Joe Swanberg
I Used to Be Darker, de Matthew Porterfield
Lenny Cooke, de Ben Safdie e Joshua Safdie
Nebraska, de Alexander Payne
Oldboy, de Spike Lee
Short Term 12, de Destin Cretton
These Birds Walk, de Omar Mullick e Bassam Tariq
This is Martin Bonner, de Chad Hartigan
Vous N'Avez Encore Rien Vu, de Alain Resnais
.
No segmento de filmes mais aguardados para o próximo ano temos um conjunto de obras que, com o devido marketing e estreia antecipada, se poderiam ter colocado na corrida aos prémios desta temporada que agora decorre e, entre os quais, três presenças portuguesas. São eles:
.
Behind the Candelabra, de Steven Soderbergh
Butter on the Latch, de Josephine Decker
Le Dernier des Injustes, de Claude Lanzmann
E Agora? Lembra-me, de Joaquim Pinto
O Gebo e a Sombra, de Manoel de Oliveira
The Immigrant, de James Gray
It Felt Like Love, de Eliza Hittman
Lydia Hoffman Lydia Hoffman, de Dustin Guy Defa
Redemption, de Miguel Gomes
Soft in the Head, de Nathan Silver
Wo Hai You Hua Yao Shou, de Ying Liang
.
Finalmente, e talvez o segmento mais curioso desta listagem, prende-se com os filmes colocados como os piores do ano por não conseguirem reunir consensos sendo que aqui figuram alguns dos títulos mais premiados pela crítica e dos mais aguardados para as nomeações aos Oscars:
.
All is Lost, de J.C. Chandor
Before Midnight, de Richard Linklater
La Grande Bellezza, de Paolo Sorrentino
Gravity, de Alfonso Cuáron
.

Sem comentários:

Publicar um comentário