quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Festival Internacional de Cinema de Roterdão 2014: participação portuguesa

.
Teve hoje início o Festival Internacional de Cinema de Roterdão, na Holanda que se prolonga até ao próximo dia 2 de Fevereiro que terá como filme de abertura Her, de Spike Jonze, nomeado para vários Oscars na edição deste ano.
No entanto o facto mais revelante para o cinema português é a diversa programação nacional presente em Roterdão nomeadamente o filme E Agora? Lembra-me, de Joaquim Pinto galardoado em Locarno, Buenos Aires, DOCLisboa e o mais recente vencedor no CinEuphoria como o Melhor Filme da Competição Nacional de 2013, A Vida Invisível, de Vitor Gonçalves a mais recente obra do realizador desde Uma Rapariga no Verão (1986), Redemption, de Miguel Gomes e A Mãe e o Mar, de Gonçalo Tocha.
Estará ainda presente em Roterdão a co-produção lusa-suíça Até Ver a Luz, de Basil da Cunha, a curta-metragem luso-holandesa #47, de José Manuel Biscaya, a luso-espanhola El Rayo, de Fran Araújo e Ernesto de Nova e Nefandus Trology, de Carlos Motta naquela que é uma produção entre Portugal, Estados Unidos e Colômbia.
A presença portuguesa fica concluída com a participação de Double Play: James Benning and Richard Linklater, de Gabe Klinger produzida por Rodrigo Areias da Bando à Parte.
O festival termina, como já referido, a 2 de Fevereiro após a entrega dos Tiger Awards de apoio à difusão e distribuição dos filmes em exibição.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário