quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Festival Caminhos do Cinema Português 2018: selecção oficial

.
O Festival Caminhos do Cinema Português divulgou hoje a programação oficial da sua vigésima-quarta edição a decorrer entre os próximos dias 23 de Novembro a 1 de Dezembro, em Coimbra. Entre as várias centenas de obras visionadas, divididas entre Ficção, Documentário e Animação nos formatos de longa e curta-metragem, os seleccionados foram:
.
Ficção
3 Anos Depois, de Marco Amaral
20-02-80, de Jerónimo Rocha
Amantes na Fronteira, de Atsushi Funahashi
Anjo, de Miguel Nunes
Anteu, de João Vladimiro
Aparição, de Fernando Vendrell
Aquaparque, de Ana Moreira
Cabaret Maxime, de Bruno de Almeida
California, de Nuno Baltazar
Calipso, de Paulo A. M. Oliveira
Caminhos Magnéticos, de Edgar Pêra
Carga, de Bruno Gascon
Como Fernando Pessoa Salvou Portugal, de Eugène Green
O Coração Revelador, de São José Correia
Descobrindo a Variável Perfeita, de Rafael Almeida
Os Dois Irmãos, de Francisco Manso
Drvo - A Árvore, de André Gil Mata
Equinócio, de Ivo M. Ferreira
A Estranha Casa na Bruma, de Guilherme Daniel
Filomena, de Pedro Cabeleira
Inversão, de Miguel Ângelo
Letters from Childhood, de José Magro
Leviano, de Justin Amorim
Luana, de Pedro Magano
Maria, de Catarina Neves Ricci
Mariphasa, de Sandro Aguilar
Nevoeiro, de Daniel Veloso
Pedro e Inês, de António Ferreira
Peregrinação, de João Botelho
Por Tua Testemunha, de João Pupo
A Portuguesa, de Rita Azevedo Gomes
Pródigo, de João Lourenço
O Quadro, de Paulo Araújo
Quando Pudermos, de Miguel Cardoso Faria
Quantas Vezes Tem Sonhado Comigo?, de Júlia Buísel
Russa, de João Salaviza e Ricardo Alves Jr.
O Segredo da Casa Fechada, de Teresa Garcia
Segunda-Feira, de Sebastião Salgado
Self Destructive Boys, de André Santos e Marco Leão
Soldado Milhões, de Gonçalo Galvão Teles
Sombra Luminosa, de Francisco Queimadela e Mariana Caló
Terra Amarela, de Dinis M. Costa
.
Documentário
Até que o Porno nos Separe, de Jorge Pelicano
Bostofrio, où le Ciel Rejoint la Terre, de Paulo Carneiro
O Canto do Ossobó, de Silas Tiny
A Casa, de Rui Simões
O Homem-Pykante, de Edgar Pêra
Madness, de João Viana
Os Mortos, de Gonçalo Robalo
Pele de Luz, de André Guiomar
À Tarde, de Pedro Florêncio
Terra Franca, de Leonor Teles
Turno do Dia, de Pedro Florêncio
.
Animação
28 de Outubro, de Tiago Albuquerque
Agouro, de David Doutel e Vasco Sá
Desempregato, de Sara Marques
Ensaio sobre a Morte, de Margarida Madeira
Entre o Verão e o Outono, de Maria Francisca Pinto
Entre Sombras, de Mónica Santos e Alice Guimarães
Porque é Este o Meu Ofício, de Paulo Monteiro
Razão Entre Dois Volumes, de Catarina Sobral
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário