quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Intermission (2003)

Intervalo de John Crowley é um filme ao estilo de comédia dramática, e que não se "especializa" em nenhum dos dois, que conta com a participação de Cillian Murphy, Colin Farrell e Kelly MacDonald nos principais papéis.
O fundamental a reter deste filme é o conjunto de histórias que se interligam entre si a respeito da ideia sobre que é o amor ou a falta dele. Enquanto uns o desejam outros encontraram-no mas não lhe deram devido valor. Enquanto uns o negam outros têm-no selvagem. Os caminhos que levam cada um a obtê-lo, a ignorá-lo, a preservá-lo ou até mesmo a repudiá-lo.
Enquanto uma história que nos consegue distrair durante pouco mais e hora e meia o filme consegue ter algum mérito se bem que, no entanto, nunca nos chega a prender realmente. Tem os seus momentos em que cruza excessivamente as várias histórias que o compõem e perde-se um tanto. É aqui que nos faz desligar do seu conteúdo.
Não é mau como filme mas poderia ter um muito maior potencial se se tivesse centrado numa única história e relegado todas as outras para secundárias. Ao querer mostrar tudo de todos perde-se pelo caminho não conseguindo obter o potencial total que poderia ter alcançado.
Os desempenhos não são maus, conseguindo alguns obter até uma credibilidade bastante equilibrada, mas também estes são afectados pela dispersão que o filme cria.

5 / 10

Sem comentários:

Publicar um comentário