domingo, 17 de junho de 2012

Yep, Zombies (2011)

.
Yep, Zombies de Kevin M. Kirkpatrick é uma curta-metragem feita no âmbito do 48 Hours Sacramento Film Festival e que teve como base um vulgar filme de zombies.
Apesar das boas intenções e vontade de fazer uma curta original, o que é certo é que aqui se recorre aos tradicionais clichés do género em questão, exagerando-os ao ponto de se tornarem quase absurdos. Temos o tipo com a namorada que é mordida mas não quer acreditar que ela se vai transformar numa morta-viva e que num exagerado acto de bravura acaba, ele próprio, mais morto que os mortos. E temos também a heroína de serviço que mata zombies apenas com os punhos, consegue correr de saltos altos em puro momento de tensão e com umas calças bem apertadas que, numa qualquer situação normal não deixariam ninguém andar.
Se as interpretações já são caem, e bem, para o lado negativo, não deixa de ser uma igual verdade que tecnicamente falando esta curta deixa muito a desejar. Desde o som por vezes imperceptível até à exagerada movimentação da câmara... temos de tudo.
As intenções são boas, é uma verdade, mas nem sempre isso é o suficiente para se conseguir um trabalho razoável. Esta curta é o perfeito exemplo de que nem sempre essas boas intenções resultam.
.
1 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário