sábado, 5 de outubro de 2013

Peixe Azul (2011)

.
Peixe Azul de Tiago Rosa-Rosso é uma curta-metragem portuguesa de ficção que nos apresenta quatro muito característicos moradores daquilo que pensamos ser um bairro típico de Lisboa.
Por um lado encontramos dois jovens adolescentes que pretendem fazer algum dinheiro para satisfazer uma enorme curiosidade típica da idade enquanto do outro lado temos um jovem adulto que é abordado por uma profissional do sexo que procura nele um pouco mais do que uma noite ocasional.
Tiago Rosa-Rosso, que também escreve o argumento desta simpática curta-metragem que ainda assim merecia ser mais aprofundada pois as suas premissas são interessantes e com potencial para serem exploradas, faz-nos entrar nas vidas destas quatro personagens que na prática encontram na interacção humana e na descoberta dos potenciais elos sentimentais que podem criar, o escape necessário para as suas aborrecidas vidas ganharem um novo significado.
Peixe Azul consegue ser ainda interessante pela dinâmica criada entre as duas duplas sendo que aquela existente entre os dois jovens consegue primar pela sua comédia enquanto que a do jovem casal consegue reter alguns simpáticos elementos daquilo que se pretende ver entre duas pessoas que acabam de se conhecer.
De reter ainda a dança sensual entre a jovem profissional do sexo e os dois adolescentes que é interrompida de uma original e bem conseguida forma e que, em todo o seu conjunto, nos faz desejar que este filme curto pudesse ter ido um pouco mais longe.
sonagens de um bairro popular de Lisboa arrastam o seu aborrecimento e tédio comun por eléctricos, fados e campos de futebol.
Um filme sobre cigarros e sapatos. - See more at: http://www.cinemaportugues.ubi.pt/bd/info/2143686420#sthash.Xc5FRDts.dpuf
.
.
5 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário