terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Paulo Branco homenageado no Brasil

.
De acordo com a Leopardo Filmes, o produtor Paulo Branco irá ser homenageado pelo Centro Cultural Banco do Brasil com uma retrospectiva da sua carreira enquanto produtor e exibição de obras em Brasília, mostra esta que irá depois para as cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro.
Esta homenagem tem como objectivo destacar o papel do produtor criativo na realização de importantes obras cinematográficas colocando-o assim como um importante produtor ligado ao cinema dito de autor, e irá exibir obras como Le Coeur Fantôme, de Philippe Garrel, Linhas de Wellington, de Valeria Sarmiento, Mistérios de Lisboa, de Raoul Ruíz, Demain on Déménage, de Chantal Akerman, Le Stade de Wimbledon, de Mathieu Amalric e L'Enfant de l'Hiver, de Olivier Assayas.
Ainda com destaque às obras exclusivamente portuguesas produzidas por Paulo Branco serão ainda exibidos os filmes Vai e Vem, de João César Monteiro, A Divina Comédia, de Manoel de Oliveira, Transe, de Teresa Villaverde e Ossos, de Pedro Costa.
Paulo Branco estará presente em Brasília a 7 de Março para um debate após a exibição do filme A Casa, de Sharunas Bartas também por si produzido.
Desde 1979 que Paulo Branco já produziu mais de 250 filmes portugueses e estrangeiros, tendo ainda fundado o Lisbon & Estoril Film Festival e gere ainda algumas salas de cinema em Lisboa. Em 2002 o Festival Internacional de Cinema de Locarno premiou-o como o melhor produtor independente, festival este onde estreou muitos dos filmes que produzira.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário