segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Cursed (2005)

.
Amaldiçoados de Wes Craven é um daqueles filmes de terror "teen" que conta com a participação de Christina Ricci, Jesse Eisenberg, Milo Ventimiglia, Joshua Jackson e Portia de Rossi num papel mais secundário.
A história, já conhecida por muitos porque estes filmes acabam por ser óbvios em demasia, resume-se ao facto de um cromo e a sua irmã bonitinha demais mas que o esconde, envolvem-se num acidente numa estrada deserta e são mordidos e arranhados por um estranho animal.
Com o passar das horas e dos dias começam a perceber que alguma coisa está errada com eles visto que começam a ganhar capacidades que até então nem sonhavam sequer em ter.
Daqui até perceberem que a prata lhes faz mal e que os seus corpos começam a sentir algumas alterações vai um passo muito pequeno e claro... daqui até se envolverem com o predador principal vai um salto maior do que aquele que os próprios lobisomens dos filmes dão.
O filme não tráz nada de especial em relação a tantos outros deste estilo e que já inundam os nossos ecrãs e não das melhores formas. É certo que este tipo de filme atrai sempre a atenção de toda a gente mas também é certo que os queremos ver com alguma credibilidade.
Aqui o que acontece não é tanto terror pois disso ultimamente não há lá muitos que sejam dignos do título, mas temos no entanto o tal terror "teen" que mais não é do que algumas situações que provocam um ou outro susto mas em grande maioria não passam de risadas pelos cómicos de situação criados.
Não deixa de ser engraçado e um bom entretenimento para uma noite de cinema de "terror" e o filme em si não está mal feito mas, no entanto, está longe de ser um filme de referência especialmente se considerarmos que vem de um dos mestres do terror de seu nome Wes Craven.
Destaque mais ou menos positivo deixo ao conjunto de actores que, não sendo o melhor registo das suas carreiras (de longe), não deixam de funcionar bem em grupo e criar um ambiente geral interessante e bem disposto.
.
.
6 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário