quinta-feira, 3 de abril de 2014

Quebra de Contrato (2012)

.
Quebra de Contrato de Lindebergue Vieira é uma curta-metragem brasileira de comédia que foi exibida no âmbito da secção competitiva do FESTin - Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa e decorrer no Cinema São Jorge, em Lisboa.
Inspirada numa notícia de um jornal alemão sobre o facto de um homem ter sido processado por não engravidar a mulher do vizinho, o realizador Lindebergue Vieira entrega esta divertida e simpática curta-metragem onde nos é apresentado um casal que tenta engravidar mas que se depara com a infertilidade do marido impossibilitando assim de realizar o seu sonho.
Com um pensamento positivo e muita fé no que vão conseguir concretizar, este casal resolve fazer o seu próprio casting para descobrir um homem capaz de engravidar "tecnicamente" a mulher e proporcionar-lhes assim a parentalidade que tanto desejam.
Depois de uma árdua, documentada e muito divertida tarefa as surpresas, nem sempre boas, iriam chegar para um desfecho inesperado mas bastante positivo que está curiosamente bem afastado de qualquer tipo de ficção.
Esta curta-metragem foi uma das mais positivas e bem dispostas desta primeira sessão de curtas-metragens em competição e aquela que através da sua intensa comédia consegue tocar num tema tão sensível como é o da infertilidade. Sedentos de se transformarem nos pais mais babados do mundo e concretizando ao mesmo tempo um desejo de infância, a tragédia viria assolar a existência deste par e complicar-lhes os planos dando assim ao espectador aquilo que poderia ser um filme pesado e cheio de tensão interior que nos poderia fazer perder no desgosto alheio. Por sua vez Lindebergue Vieira teve o cuidado de transformar todo este pesadelo numa história leve, mas não ligeira, onde as complicações são meros obstáculos a ultrapassar e onde tudo o que se espera são apenas largos cojuntos de gargalhadas e boa disposição que nos confirmam que por muito negro que possa estar o cenário há sempre uma volta que se lhe pode dar, e tudo isto sente-se na química imediata que os actores têm entre si assim como pela forma como o "acto" per si é consumado e, mais importante, devidamente documentado em vídeo-reportagem para recordar no futuro.
Quebra de Contrato é não só um dos filmes mais marcantes da tarde de ontem como também o consegue ser certamente de toda a competição por entregar de uma forma tão harmoniosa como principalmente positiva, o relato da dor de uma família que consegue encontrar no meio das suas dificuldades uma saída para o seu desgosto.
.
8 / 10
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário