segunda-feira, 29 de outubro de 2012

No Soy Como Tú (2012)

.
.
No Soy Como Tú de Fernando Figueiras é uma curta-metragem espanhola que nos dá a conhecer dois homens. Percebemos pelos seus comportamentos que a relação que ambos têm não é só de amizade como é principalmente sexual.
Enquanto um vive um verdadeiro drama em que os seus sentimentos e sexualidade se encontram num perfeito conflito, o outro é claramente esclarecido ao demonstrar que apenas pretende alguns encontros sexuais ocasionais.
O que é claro é que nenhuma relação se mantém tal como se inicia. Podem durar anos, meses, semanas ou apenas dias ou horas (neste caso um dia dentro de uma vivenda enquanto aguardam pela resolução de um acidente que ali os "fechou"), mas o que é certo é que as vidas de cada um estão em constantes transformações que não só definem cada indivíduo como são também elas definidas pelos momentos ou situações pelas quais atravessam.
Se a história desta curta-metragem poderia ser interessante e com algum potencial para mostrar a dualidade de sentimentos, e de comportamentos, pela qual as pessoas podem passar, também não deixa de ser verdade que não se desenvolve o suficiente para ser coerente com aquilo que pretende. Nem tão pouco vai além daquilo que este tipo de filmes já nos mostrou vezes e vezes sem conta limitando-se apenas ao conjunto habitual de clichés que poderiam ter potencial se melhor explorados mas que assim apenas resultam para o pensamento de "mais uma curta".
.
4 / 10
.

Sem comentários:

Publicar um comentário