segunda-feira, 18 de maio de 2020

Mirrors | srorriM (2019)

.

Mirrors | srorriM de Aaron Hunt (EUA) é uma das curtas-metragens de terror presentes na competição oficial do Trapped Film Festival que este ano teve uma sessão online onde apresentou todos os seus filmes.
A história começa quando um homem desgostoso tenta comunicar com um amor perdido. Ao bater na parede em frente recebe uma resposta que tenta decifrar.
Ainda que seja de notar a sua atmosfera magnética do ponto de vista de cinema de terror e de suspense, este Mirrors | srorriM perde-se numa mensagem que é, logo à partida, por demais óbvia. Compreendemos o desgosto de um homem que perdeu, pelo que entendemos, o amor da sua vida. Ao perdê-lo sente a necessidade máxima de voltar a ter uma resposta... um sinal. E é com este sinal que se desenvolve uma ligação (in)esperada com alguém "do outro lado".
Mas, e funcionando talvez como o único elemento surpresa desta curta-metragem, é a resposta que chega (tardia) que desvenda o mistério que o espectador poderia (porventura) ainda encontra nesta história. Como todos os espelhos, existem dois lados que se desvendam... o real que se encontra do lado em que nos encontramos... e o outro lado... onde o reflexo revela uma imagem por vezes distorcida da realidade ou, pelo menos, o reflexo que queremos ver no mesmo. Eis que compreendemos, já no final, qual é na realidade o verdadeiro reflexo.
Ainda que esta surpresa não chegue para justificar toda uma mensagem que o espectador já conhece de inúmeras outras histórias na mesma linha, este Mirrors | srorriM prima unicamente por uma atmosfera de "mundo incerto" onde não se percebe imediatamente onde se encontra o nosso protagonista e, em imediata relação, a direcção de fotografia que tudo mantém num suspenso em realidade e reflexo com um interessante e bem estruturado jogo de luzes. Dito isto... este Mirrors | srorriM já "foi visto". Estruturalmente bem construída mas... that's it...

.

4 / 10

.

.

Sem comentários:

Publicar um comentário