quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Frost/Nixon (2008)

Frost/Nixon de Ron Howard foi uma agradável surpresa para mim na medida em que estes filmes normalmente são recheados de um argumento complexo do qual nós como espectadores pouco ou nada dele retiramos. Aqui passa-se exactamente o oposto.
Conseguimos ao longo deste filme, e que nem da nossa História trata, ficar colados ao ecrã tal não é o magnetismo que os dois actores principais nos conseguem transmitir com os seus desempenhos. Michael Sheen como Frost é bom mas Frank Langella como Nixon é brilhante e não sei até que ponto o Oscar não lhe escapou este ano injustamente. É bom, MUITO BOM quando um actor consegue prendermos ao ecrã ao ponto de esperarmos para quando chega a próximo imagem com ele e Langella consegue isso aqui. Surpreendeu-me pois não é de facto um daqueles actores que me faça deslocar a um cinema para o ver e aqui... 5 *****
A história do filme centra-se após a presidência de Richard Nixon e do famoso caso Watergate quando, um repórter de reality show decide tentar a sorte e entrevistar o ex-Presidente norte-americano para saber sobre a sua vida, os seus conhecimentos e claro sobre a sua presidência. Nixon conhecido por ser o "slick-Nick" e manter o controlo sobre todas as entrevistas e entrevistadores que o tentam aqui perde esse controlo e cede ao su entrevistador especialmente a nível emocional. Aquilo que fez durante a sua presidência e como o fez ficam com esta entrevista exposto ao povo americano.
Este filme repito, poderia ser um tanto dificil de digerir e aborrecido, mas foi feito num ritmo francamente interessante e fluído devendo isso a uma extremamente boa dinâmica entre os dois actores principais que, em lados opostos e com uma posição clara a defender, conseguem criar uma empatia entre ambos que nos é transmitida e sentimos isso claramente enquanto o visionamos.
Não se trata de um thriller nem tão pouco passam as duas horas do filme com teorias da conspiração sobre o que poderá ter sido... Por não ser nada sobre a nossa História ou sobre um acontecimento ao qual possamos dar especial interesse talvez tenha passado, e passe, ao lado da maioria dos nossos espectadores mas por outro lado há que confessar que para quem gosta de um bom filme sobre temas políticos, e não um filme político, este conseguirá decerto cativar a atenção dessas pessoas pela forma como está realizado.
Com momentos de comédia irónica (e claro está não espalhafatosa), com uma banda sonora bem enquadrada no filme e bons desempenhos secundários a cargo de Kevin Bacon, Sam Rockwell e Oliver Platt, este Frost/Nixon é daqueles filmes que recomendo que não sejam postos de lado logo à partida sem que se arrisque primeiro pô-lo no leitor de dvd para ser visto. Aos que lhe dêem a oportunidade, decerto não se irão arrepender.
Como nota final há a destacar que teve cinco nomeações aos Oscar incluindo Filme e Actor para Frank Langella, que depois de tudo o que já disse do filme só resta acrescentar o óbvio... TOTALMENTE merecidas!!!

"David Frost: Are you really saying the President can do something illegal?

Richard Nixon: I'm saying that when the President does it, that means it's *not* illegal!"

8 / 10

CinEuphoria Prémios'09 VOTAR AQUI

Sem comentários:

Publicar um comentário